Como montar um plano de estudos?

22/05/2017 11:04 | Vestibular
 

Estudar para o Vestibular exige muita dedicação. As vagas nas faculdades são limitadas e a concorrência é muito grande. É comum que a diferença entre as notas dos candidatos seja pequena, porém determinante na definição de quem consegue ingressar na graduação.

Algo que faz grande diferença na conquista de melhores notas e colocações no Vestibular é a rotina de estudos dos vestibulandos. Nessa competição, quem tem um plano de estudos melhor pode sair na frente.

Não existe um plano de estudos perfeito. Cada estudante deve organizar-se da melhor forma para alcançar maior rendimento, de acordo com suas necessidades. Porém, há algumas orientações gerais sobre como montar um plano de estudos mais eficaz. Confira as que destacamos:

 

Comece pelo básico: organize seus horários

Imagem

 

O primeiro passo para um plano de estudos dar certo é ter responsabilidade com os horários. Essa organização deve abranger o dia como um todo. Determine horários para estudo, alimentação, atividades físicas, atividade de lazer e, principalmente, siga esses horários não como uma obrigação, mas como um auxílio para manter as obrigações e o seu bem-estar sob controle.

Pensar em um plano de estudos está muito ligado a rotina. Muitas vezes a ideia de rotina é vista como algo que engessa o dia e a produção, mas a rotina muitas vezes vem como uma aliada para a organização e para o cumprimento de responsabilidades. Sua rotina pode ser menos restrita, desde que te possibilite explorar ao máximo o seu potencial.

 

Abuse das anotações

Imagem


Fazer notas dos conteúdos estudados é uma prática tradicional e muito bem vinda. Escrever ajuda a fixar os conteúdos e também auxilia na revisão. Além de escrever, você pode fazer diagramas, mapas e esquemas para ajudar na fixação dos diferentes tópicos de uma matéria. Use cadernos de anotações e também fichas avulsas.

Inclua uma rotina de anotações no seu plano de estudos, seja para produção ou para a revisão das notas.

 

Use um quadro para visualizar melhor os conteúdos

Imagem

 

Além de explorar as possibilidades das anotações em cadernos e fichas, você pode ajudar nos estudos usando um quadro para fixar papéis, lembretes, cronogramas do plano de estudos ou até mesmo um quadro para escrever, fazer exercícios, rascunhos, entre outras possibilidades.

Usar um quadro simula em menor escala como os conteúdos são ensinados em sala de aula, por isso pode ser um bom estímulo para potencializar os seus resultados.

 

Saiba estabelecer as prioridades

Imagem

 

Até aqui destacamos a importância de organizar o seu dia e de descobrir os melhores estímulos para te ajudar a aprender mais e fazer o seu plano de estudos dar mais certo.

Para montar um plano de estudos, você estar atento também às prioridades. Para o Vestibular, todos os conteúdos devem ser estudados e revisados, porém é natural que você tenha mais facilidade com algumas matérias do que com outras. Por isso, você deve direcionar seus esforços para as necessidades maiores de estudo.

Na hora de montar o seu plano de estudos, monte o cronograma de acordo com suas necessidades.

 

Teste diferentes planos de estudo até achar o seu ideal

Você só descobrirá qual o melhor plano de estudos para você testando algumas opções. Experimente dois ou três planos de estudos e veja qual se adapta melhor a sua rotina, a sua vida e a sua forma de aprender. O importante é, no final, você estar mais preparado e confortável para fazer boas provas de Vestibular.

 

Com estas orientações, percebemos que o melhor plano de estudos é aquele que vai fazer VOCÊ aprender mais. Com disciplina, dedicação, muito estudo e uma preparação prazerosa, os resultados certamente virão. Bom Vestibular!


Imagem